ELETRÓLISE PERCUTÂNEA MUSCOLOESQUELÉTICA

A eletrólise percutânea musculoesquelética (EPM) consiste na aplicação ecoguiada de uma corrente galvânica, através de uma agulha produzindo um processo inflamatório local com o intuito de promover a regeneração do tecido lesado (tendão, músculo, ligamento, cápsula ...), tendo um importante efeito analgésico. Pode ser usado em lesões musculares, tendinosas (tendinites, tendinoses, tenossinovites), ligamentares (por exemplo, joelho e tornozelo) entre outras.